Governador Rafael mobiliza secretarias para atender pautas de mulheres do campo

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
A VPN is an essential component of IT security, whether you’re just starting a business or are already up and running. Most business interactions and transactions happen online and VPN

Geração de renda e medidas de combate à violência contra a mulher foram as questões centrais debatidas no encontro

O governador Rafael Fonteles se reuniu na tarde desta terça-feira (7) com mulheres que formam o Campo Unitário, uma articulação que reúne 22 organizações, movimentos sociais piauienses, povos do campo, das águas, das florestas, e mulheres do campo. Foram apresentadas demandas nas áreas da segurança pública, educação, saúde, agricultura familiar, meio ambiente, entre outras. O governador se comprometeu em acompanhar a execução das políticas publicas destinadas ao público, garantindo dignidade e melhoria da qualidade de vida.

“A gente vai avançar muito no nosso governo, nessas pautas apresentadas aqui pelas lideranças desses mais diversos movimentos, que reúnem as mulheres deste campo unitário”, assegurou Fonteles.

Divulgação

A geração de renda e medidas de combate à violência contra a mulher do campo foram as questões centrais debatidas no encontro. Elas entendem que a manutenção financeira é um fator que assegura o afastamento da condição de violentada.

“Ficamos muito felizes porque o governador mobilizou o conjunto do secretariado para assumir este compromisso de dar efetivação às pautas e demandas das mulheres. Isso pra nós é muito importante” pontuou Maria Cazé, representante do Movimento dos Pequenos Agricultores, que falou como porta-voz.

A audiência abriu a semana de atividades voltada para atender reivindicações das mulheres trabalhadoras do campo. Ficou estabelecido um calendário de audiências com gestores de diferentes pastas e reuniões com o governador para planejar, executar e monitorar as ações que competem ao governo.

“Saímos daqui animadas porque o nosso governo de fato implementa uma politica de participação social, a partir do momento que escuta, que acolhe as demandas com todos os seus secretários e corre atrás da implementação destas políticas”, destacou Núbia Lopes, secretária das Relações Sociais.

Fonteles ressaltou que o Palácio de Karnak estará sempre aberto aos movimentos sociais. O governo cedeu o imóvel onde agora funciona a Casa dos Movimentos Sociais, em Teresina.

Fonte: Ascom/ Pi.gov

Telsirio

Telsirio

Faça um comentário!

Receba nossas notícias em tempo real!

Não enviamos spam!