Governo do Piauí irá emitir mais de 100 mil títulos de terra até 2027

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
A VPN is an essential component of IT security, whether you’re just starting a business or are already up and running. Most business interactions and transactions happen online and VPN

Durante reunião com o Interpi, Rafael Fonteles destacou a principal meta do Instituto e a sua importância para a sociedade piauiense.

O governador Rafael Fonteles definiu como meta prioritária do Instituto de Terras do Piauí (Interpi), a emissão de mais de 100 mil novos títulos de terra ao longo de sua gestão. Esse e outros objetivos foram discutidos em reunião com o diretor-geral do Instituto, Rodrigo Cavalcante, e com o secretário de Estado do Planejamento (Seplan), Washington Bonfim, nesta segunda-feira (27).

O governador destacou o papel fundamental do Interpi para a sociedade piauiense, no que diz respeito às regularizações fundiária e urbana, além da titulação de imóveis rurais. “A nossa ideia é acelerar esses processos de titulação, de forma que dê segurança jurídica às famílias sobre as terras que habitam. Essa segurança é importante também no ponto de vista econômico, pois com ela é possível obter créditos, que permitem a essas pessoas produzir e empreender dentro de seus imóveis”, disse.

Rafael Fonteles pontuou ainda o caráter inclusivo dessa política, que atinge a todos sem distinção, como indígenas, quilombolas, assentados, ribeirinhos, pequenos, médios e grandes produtores rurais, além da população urbana. “A ideia, portanto, é multiplicar em dez vezes o que o Interpi já emitiu de títulos nos últimos anos. Dessa forma, realizaremos o sonho de várias famílias de terem os documentos do seu imóvel e dar a elas segurança e suporte”, pontuou.

Divulgação

O diretor-geral do Interpi, Rodrigo Cavalcante, afirmou que o órgão está mais maduro, eficiente, transparente e digitalizado em relação aos últimos anos, o que permite o cumprimento das metas da gestão. “Hoje, o Instituto é uma ilha de excelência. Então, vamos tirar proveito disso para entregarmos o que a população deseja, isto é, títulos de terra e segurança jurídica”, finalizou o gestor.

Fonte: Ascom/ Pi.gov

Telsirio

Telsirio

Faça um comentário!

Receba nossas notícias em tempo real!

Não enviamos spam!