MPPI deverá oficiar Equatorial para atender às escolas municipais

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
A VPN is an essential component of IT security, whether you’re just starting a business or are already up and running. Most business interactions and transactions happen online and VPN

O secretário municipal de Educação, professor Nouga Cardoso, e equipe técnica da Secretaria Municipal de Educação (Semec), participaram nesta quinta-feira (5) de uma audiência no Ministério Público do Piauí (MPPI) para discutir sobre a climatização das unidades de ensino da Rede Municipal de Educação de Teresina. A audiência foi mediada pela promotora de Justiça Flávia Gomes, coordenadora do Centro Operacional de Defesa da Educação e Cidadania (Caodec), órgão auxiliar do MPPI. De acordo com a Semec, o maior problema está sendo alcançar o atendimento por parte da empresa Equatorial, considerando os problemas que algumas escolas vêm enfrentando com a rede de energia.

Durante a audiência, a Secretaria informou que todas as medidas necessárias para garantir o cumprimento da carga horária nas escolas estão sendo adotadas. Foram adquiridos aparelhos de ar-condicionado para escolas que solicitaram e que demandavam substituição, porém, em algumas delas não há suporte da rede elétrica para a instalação. Em virtude disso, o MPPI determinou que a Equatorial Energia fosse oficiada, para, num prazo de quinze dias, resolver a situação de todas as escolas que enfrentem problemas neste sentido.

 

“A Semec trabalha para que nenhum aluno deixe de ter aula devido às altas temperaturas típicas deste período do ano. Existem alguns problemas pontuais em algumas unidades de ensino que estão sendo contornados”, afirma o secretário Nouga Cardoso.

A promotora Flávia Gomes também indagou à Secretaria sobre o calendário escolar para o ano que vem, onde foi informada que o cronograma das aulas está definido, inclusive gestores de escolas e Centros Municipais de Educação (CMEIs) já participaram de formações sobre as normativas para o Calendário de 2024.

Na reunião o Ministério Público questionou ainda sobre os trâmites acerca do edital do concurso público que a Prefeitura de Teresina, por meio da Semec, está elaborando. “Faremos o lançamento do concurso até o próximo dia 15. Serão vagas para professor efetivo, auxiliar operacional de nível médio e também nas áreas de engenharia, administração, contabilidade, fonoaudiologia, nutrição, áreas que são importantes para o desenvolvimento e planejamento da educação de Teresina”, ressalta o secretário Nouga.

Fonte: Ascom/Semec

 

Telsirio

Telsirio

Faça um comentário!

Receba nossas notícias em tempo real!

Não enviamos spam!