Governador assina acordos com a Comunidade Intermunicipal de Portugal

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
A VPN is an essential component of IT security, whether you’re just starting a business or are already up and running. Most business interactions and transactions happen online and VPN

Os acordos contemplam as áreas de gestão, educação, economia, turismo, cultura, tecnologia, mar, pesca e desenvolvimento sustentável.

O governador Rafael Fonteles assinou acordos de cooperação, nesta segunda-feira (24), com a Comunidade Intermunicipal do Oeste de Portugal (Oeste CIM), composta por 12 municípios portugueses. Os acordos buscam promover e fortalecer as relações entre o Piauí e Portugal nas áreas de gestão, educação, economia, turismo, cultura, tecnologia, mar e pesca, energias renováveis e desenvolvimento sustentável.

No primeiro acordo ficou estabelecido que o Piauí e a Oeste CIM devem incentivar a cooperação econômica, facilitando o comércio e investimentos; promover intercâmbios e programas de turismo; fomentar trocas culturais; compartilhar conhecimentos e experiências voltadas à transformação digital; colaborar com o desenvolvimento sustentável e discutir a implementação de políticas públicas.

Assinatura de acordo com a Comunidade Intermunicipal do Oeste de Portugal (Foto: Jorge Henrique Bastos)

O governador Rafael Fonteles destacou a importância da parceria. “A cooperação é fundamental para o desenvolvimento de diversas áreas, especialmente as de transição energética, governo digital e economia do mar. Acreditamos que essa parceria vai gerar bons frutos ao Piauí, pois são setores valorizados tanto por nós quanto pelos portugueses”, disse.

O segundo acordo, que conta com a participação do Centro de Formação Profissional das Pescas e do Mar de Portugal (For-Mar), quer potencializar o trabalho que será realizado na Escola do Mar, em Luís Correia, que ofertará cursos técnicos profissionalizantes voltados à economia do mar. A cooperação busca desenvolver a educação profissional e tecnológica nessa área, estimular pesquisas científicas e o empreendedorismo, além de promover a qualificação de mão de obra para o Porto.

Reunião com a Comunidade Intermunicipal do Oeste de Portugal (Foto: Jorge Henrique Bastos)

Segundo o secretário de Educação, Washington Bandeira, a Escola do Mar, grande beneficiada com a parceria, tem previsão de inauguração para o início de 2024. “Teremos a primeira escola de referência em economia do mar no Piauí. Por si só, ela já será fundamental para a região, mas terá o seu trabalho potencializado ainda mais com essa parceria que assinamos. Teremos acesso a toda a inteligência, tecnologia e experiências da For-Mar para a execução dos cursos e qualificação dos nossos professores”, explicou o secretário.

Um Memorando de Entendimento (MoU) também foi assinado, desta vez, em parceria com o Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas (ISCSP) da Universidade de Lisboa. O acordo busca criar um ecossistema de desenvolvimento econômico, social, cultural e ambiental, impulsionado pela dupla transição verde e digital. A partir de metodologias inovadoras, o MoU quer assegurar a qualidade de vida e bem-estar dos cidadãos ao mesmo tempo em que promove uma economia descarbonizada.

De acordo com o presidente da Comunidade Intermunicipal do Oeste de Portugal, Pedro Folgado, a cooperação firmada busca a troca de experiências. “Há muitas informações que podemos compartilhar e projetos a desenvolver em conjunto com o Piauí. Todos têm a ganhar com esses acordos, onde a nossa prioridade é melhorar a vida dos nossos cidadãos”, finalizou o gestor.

Fonte: Ascom/Pi.gov

Telsirio

Telsirio

Faça um comentário!

Receba nossas notícias em tempo real!

Não enviamos spam!