Parceria entre Governo e Prefeitura, projeto do novo terminal de combustíveis de Teresina está na fase final de tramitação

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
A VPN is an essential component of IT security, whether you’re just starting a business or are already up and running. Most business interactions and transactions happen online and VPN

Investimento da empresa Terminais Marítimos do Pernambuco será de R$ 67 milhões

O diretor de Atração de Investimentos da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (SDE), Ulysses Moraes, informou que o projeto de implantação do novo terminal de combustíveis em Teresina está em fase final de tramitação a partir de uma grande empresa pernambucana. O investimento da TEMAPE – Terminais Marítimos do Pernambuco – no futuro Terminal de Petróleo de Teresina será da ordem de R$ 67 milhões.

“Está na última fase de tramitação desse projeto para iniciar as obras, para que a empresa possa licitar sua obra, fazer tomada de preço, escolher quem vai fazer efetivamente a obra”, enfatiza Ulysses Moraes.

O diretor de Atração de Investimentos ressaltou que a TEMAPE uma empresa de grande porte, que tem um terminal marítimo no porto de Suape, em Pernambuco, e também está fazendo um grande investimento no Porto de Itaqui, em São Luís (MA), de onde virão os combustíveis para esse terminal em Teresina.

Segundo Ulysses, “essa vinda de combustíveis é essencial para a logística do nosso estado, tendo em vista que o Piauí tem uma defasagem de quase 30% do seu combustível e os terminais locais não conseguem atender toda a demanda do estado”.

Ele acrescentou que, com esse novo terminal em Teresina, a expectativa é que poderá até haver uma queda no preço dos combustíveis ao consumidor. Os postos da capital hoje não conseguem atendimento nos terminais locais, e por isso buscam os seus combustíveis através de caminhões tanque no Ceará, Maranhão e até em Pernambuco, o que encarece os custos para os empresários. Como novo terminal, os combustíveis virão inteiramente através da linha férrea, com abastecimento pelo Porto de Itaqui.

Ulysses Moraes explica com o projeto afetará positivamente a cidade de Teresina e a infraestrutura logística do estado na questão do abastecimento de combustíveis, que tem tanto afetado a vida dos piauienses por conta do alto preço. “É uma vitória muito grande que estamos prestes a concluir a fase burocrática de aprovação do projeto”, pontua.

A expectativa é que depois de aprovado o projeto pela Prefeitura de Teresina, o terminal seja inaugurado no segundo semestre do ano de 2024.

Fonte: Assessoria SDE/ Pi.gov

Telsirio

Telsirio

Faça um comentário!

Receba nossas notícias em tempo real!

Não enviamos spam!