Seduc vai expandir oferta de cursos técnicos integrados ao Ensino Médio em escolas de Altos e Campo Maior

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
A VPN is an essential component of IT security, whether you’re just starting a business or are already up and running. Most business interactions and transactions happen online and VPN

Inicialmente serão ofertados cursos de informática e turismo, nos municípios de Altos e Campo Maior

Buscando expandir a oferta de cursos técnicos e profissionalizantes nas escolas de Tempo Integral da Rede Pública Estadual, para que os estudantes saiam do Ensino Médio preparados para o mercado de trabalho, o Superintendente de Educação Técnica e Profissional e Educação de Jovens e Adultos (SUETPEJA), Paulo Henrique Pinheiro, visitou escolas dos municípios de Altos e Campo Maior para dialogar com os gerentes das Gerências Regionais de Educação (GREs) e diretores de escolas sobre a implementação do projeto.

Em sua visita ao Centro Estadual de Tempo Integral (CETI) Rama Boa, em Altos, o superintendente conversou com a equipe da 18ª GRE e com a diretora da escola, Clemilda Almeida, sobre a possibilidade de implantação de um ensino técnico em informática para os estudantes da 1ª série do Ensino Médio em Tempo Integral, de forma concomitante. A discussão do projeto se estendeu também ao CETI Cândido Borges Castelo Branco, em Campo Maior, com a presença dos gestores ligados à 5ª GRE.

A proposta é que os alunos tenham 10 horas a mais semanais de acréscimo na sua jornada de aulas, sendo 2 horas presenciais e oito horas a distância, para que eles saiam da 3ª série, além do certificado do Ensino Médio, com o certificado de técnicos de informática. “Já existem várias escolas dispostas a aderir ao projeto, que vai ao encontro do plano de governo do Governador Rafael Fonteles, alinhado com o secretário Washington Bandeira, que é termos nas escolas de Tempo Integral um ensino técnico, ou concomitante, ou integrado, para que o aluno saia com duas certificações e já preparado para o mundo de trabalho”, afirma Paulo Henrique.

Inicialmente serão ofertados cursos de informática e turismo e, no ano que vem, serão adicionados outros cursos ligados à tecnologia, de desenvolvimento de sistemas para internet, de jogos, entre outros. “Para iniciar o programa e atender a demanda do governo do estado e da população de uma maneira geral, nós vamos começar com os cursos de informática e, em um curto prazo, também disponibilizaremos o curso de turismo. Para o ano que vem, iremos ofertar mais cursos nas áreas de Tecnologia da Informação, para que o aluno possa ter mais de uma opção de escolha de curso”, finaliza o superintendente.

Fonte: Ascom/ Pi.gov

Telsirio

Telsirio

Faça um comentário!

Receba nossas notícias em tempo real!

Não enviamos spam!