Ministro Wellington Dias integra comitiva de ministros que visitará áreas afetadas pela estiagem no Rio Grande do Sul

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
A VPN is an essential component of IT security, whether you’re just starting a business or are already up and running. Most business interactions and transactions happen online and VPN

Ministros do Governo Federal visitarão uma região afetada pela estiagem no estado do Rio Grande do Sul, no município de Hulha Negra (RS) e anunciarão medidas de apoio a agricultores da região, nessa quinta-feira (23).

Wellington Dias integra comitiva de ministros que visita áreas afetadas pela estiagem no Rio Grande do Sul, nesta quinta

Ministros do Governo Federal visitarão uma região afetada pela estiagem no estado do Rio Grande do Sul, no município de Hulha Negra (RS) e anunciarão medidas de apoio a agricultores da região, nessa quinta-feira (23). Wellington Dias, titular da pasta do Desenvolvimento e Assistência Social, Família e Combate à Fome compõe este grupo interministerial.

O anúncio será feito por uma comitiva de ministros durante visita ao município localizado em uma das regiões mais castigadas pela seca que afeta o estado pela terceira safra consecutiva.

Conforme atualização mais recente da Defesa Civil, 317 municípios decretaram emergência devido à falta de chuva. Destes, 191 já tiveram a situação homologada pela União. Nesta quarta-feira (22), mais sete cidades do Estado tiveram situação de emergência reconhecida pelo governo.

Wellington dias explica que serão seguidas as orientações do presidente Lula de ações integradas. “A nossa visita, nesse primeiro momento, é para duas coisas importantes. O compromisso é de trabalhar integrado, Governo Federal, governo estadual, municípios, independente do partido e de divergências políticas. A orientação, assim como fizemos em São Paulo, é trabalhar com foco no atendimento às pessoas que precisam”, afirma.

Divulgação

O ministro explica que a partir de um levantamento já iniciado junto com entidades em todos os municípios em situação, já é possível identificar as demandas. “Além dos agricultores vinculados ao MDA, agricultura familiar, tem uma parte com baixa renda: agricultores familiares, comunidade quilombolas, indígenas, que vamos trabalhar um modelo que não é empréstimo, na verdade, através do cartão do Bolsa Família é feito um repasse no atendimento emergencial, pela situação, no valor de R$ 2.400. São mais de 10 mil famílias que serão atendidas, pelos levantamentos, cerca de R$ 24 milhões”, expõe Wellington Dias.

Além de Wellington Dias, integram o grupo os ministros do Desenvolvimento Agrário e Agricultura Familiar, Paulo Teixeira; e da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República, Paulo Pimenta, além do presidente da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), Edegar Pretto, e do secretário-executivo do Ministério da Agricultura e Pecuária, Irajá Lacerda.

No início da tarde, a comitiva visita a Comunidade Nossa Senhora De Fátima, no Assentamento Copaul, na Cidade de Hulha Negra. Em seguida, acontece, na mesma comunidade, o ato de anúncio das medidas do Governo Federal para enfrentamento da estiagem no Rio Grande do Sul.

Fonte: Ascom

Telsirio

Telsirio

Faça um comentário!

Receba nossas notícias em tempo real!

Não enviamos spam!