Parceria da Sesapi e HU já possibilitou mais de 100 procedimentos de implantação de marcapasso

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
A VPN is an essential component of IT security, whether you’re just starting a business or are already up and running. Most business interactions and transactions happen online and VPN

Os procedimentos foram realizados em mutirão de cirurgias realizado pela Sesapi, em parceria com a Fundação Municipal de Saúde e HU.

Mais de cem pacientes do Piauí já receberam implantação de marcapasso nos últimos 50 dias. No total, 101 pessoas passaram pelo procedimento no Hospital Universitário da Universidade Federal do Piauí (HU-UFPI) em mutirão de cirurgias realizado pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi), em parceria com a Fundação Municipal de Saúde (FMS) e HU. O 102º procedimento foi realizado em uma criança no Hospital Getúlio Vargas (HGV).

As cirurgias realizadas no HU contam com quatro equipes de cirurgiões cardíacos, que se revezam em dois centros cirúrgicos. Os aparelhos implantados estão sendo custeados pelo Governo do Piauí, por meio da Sesapi. A ação faz parte do programa Saúde em Dia, lançado recentemente pelo governador Rafael Fonteles.

“Houve uma cooperação entre HU, FMS e a Sesapi, para que pessoas que estavam em fila, aguardando por uma cirurgia de marcapasso, fossem atendidas o mais breve possível. Na parceria, o Estado, por meio da Sesapi, aportou recursos para a aquisição dos marcapassos e o HU realiza as cirurgias, uma vez que eles têm profissionais especializados e instalações adequadas para realizar esse tipo de procedimento”, explica o secretário de Estado da Saúde, Antônio Luiz Soares.

Divulgação

Em março foram realizados 58 procedimentos no HU e, em abril, mais 43 cirurgias de marcapasso, totalizando 101 desde o início da parceria. Os pacientes contemplados com os procedimentos cirúrgicos cardíacos são aqueles classificados como estado grave, com urgência na implantação do dispositivo, e que aguardavam na fila de espera. “A nossa meta é zerar todas as filas de cirurgias eletivas até outubro deste ano. Marcapasso é uma dessas filas que estamos trabalhando para zerar”, reforça o secretário da Saúde.

Entre as cirurgias de marcapasso realizados no Piauí, o gestor destaca o procedimento em uma criança que estava no Hospital Infantil Lucídio Portella, e o Estado acionou o Hospital Getúlio Vargas para realizar a operação. “Essas ações possibilitam trazer mais qualidade de vida para o povo do Piauí, o que nos deixa animados para procurar fazer um trabalho ainda melhor”, disse Antônio Luiz.

Com o intuito de ampliar os serviços em saúde e a parceria entre HU e Sesapi, no mês de março o governador Rafael Fonteles inaugurou 20 novos leitos de terapia intensiva (UTI) na unidade de saúde. A Sesapi investiu quase R$ 4 milhões na obra. “Em pouco mais de 100 dias de governo de Rafael Fonteles, o Piauí escreve uma das páginas mais bonitas da saúde pública, de toda a nossa história”, destacou o superintendente do HU-UFPI, Paulo Márcio, em postagem nas redes sociais.

Para o superintendente de Gestão da Rede de Alta e Média Complexidade da Sesapi, Dirceu Campelo, a união entre os três entes públicos para ofertar melhores serviços de saúde é um ganho imensurável para o povo do Piauí. “Essas cirurgias de marcapasso fazem parte do primeiro mutirão desse estilo no nosso estado. É uma parceria entre Governo do Estado, por meio da Sesapi, Fundação Municipal de Saúde de Teresina e HU, no qual foram contratualizados pelo Governo do Piauí, 200 procedimentos de cirurgia de marcapasso ao longo de 2023. Nos 100 primeiros dias de gestão nós já conseguimos atingir o número de 101 cirurgias realizadas, superando até mesmo nosso planejamento inicial e garantindo mais qualidade de vida para todos esses piauienses atendidos”, pontua o gestor.

Fonte: Ascom/ Pi.gov

Telsirio

Telsirio

Faça um comentário!

Receba nossas notícias em tempo real!

Não enviamos spam!